Assembleia-Geral: 12/07

O Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Paraná (SINDESP-PR) realizou, nesta segunda-feira (12/7), uma Assembleia Geral Extraordinária para tratar de questões de interesse dos associados. Um dos assuntos de destaque foi sobre o reequilíbrio financeiro das escolas de formação de vigilantes e reciclagem.

Outro tema de suma importância foi o andamento do projeto do SINDESP-PR para implantação do SESMT (Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho) Coletivo, sendo formada uma comissão composta por 3 associados e a executiva do SINDESP-PR, Adriana Wollinger, a fim de dar prosseguimento ao projeto.

Na assembleia os diretores também foram alertados sobre a importância de realizarem o treinamento sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). A executiva Adriana Wollinger comenta que os encontros com a equipe da empresa Agille For All são semanais e servem para verificação e alinhamento das tarefas da semana.

O presidente do SINDESP-PR, Alfredo Ibiapina encerrou o encontro dando boas-vindas à empresa DPL, de Foz do Iguaçu, que filiou-se recentemente à entidade.